Centro Municipal de Dança


Centro Municipal de Dança da SMC articula as ações de dança de Porto Alegre, por meio da preservação da memória, do fomento à produção, formação de público, difusão e acesso às informações, atividades artístico-pedagógicas e constituição das relações com a produção em dança estadual, nacional, e internacional. O objetivo é valorizar os profissionais, promover a produção e o desenvolvimento da arte da dança, tornando-se um espaço de referência para a área na capital .



Bem Vindo!!!

16 de outubro de 2014


PROGRAMAÇÃO DE FINAL DE SEMANA - 17 A 19 DE OUTUBRO






ÁS ARTES FÍSICAS
17 E 18 DE OUTUBRO










3ª JORNADA DE DANÇA E CULTURA CIGANA




14h às 15h – Danças Circulares Ciganas: Leste Europeu
Alessandro Rivellino trabalha com danças circulares desde 2007 e as danças ciganas em especial lhe permitem o acesso a um sentido amplo de conexão com a ancestralidade deste povo. O leste europeu contempla boa parte das danças que serão compartilhadas neste encontro. Porém, Alessandro gosta de mesclar regiões e origens, contemplando a matéria da dança cigana em suas múltiplas expressões.

15:15 às 16:15 – Dança Cigana Região: Albânia (Serão abordadas as movimentações básicas: passos, movimentos de braços, vestimenta).
Com Sayonara Linhares.

16:30 às 17:30 – Dança Cigana Região: Portugal (Serão abordadas as movimentações básicas: passos, movimentos de braços, saia, vestimenta). 
Com Gina Vitola.

17:45 às 18:45 – Palestra: Família e as Diversidades Cigana
Com Nete Cabral.


Os interessados devem solicitar a ficha de inscrição e informações pelo e-mail ginavitoladanca@yahoo.com.br ou fone: (051) 9108.0402.







CAMPANHA SOLIDÁRIA
AJUDEM A BAILARINA MANOELA SANTOS A REALIZAR SEUS SONHOS! 



CONTAMOS COM A AJUDA DE TODOS, DEPÓSITOS DE QUALQUER QUANTIA.

CURRICULO DA  BAILARINA MANOELA SANTOS:

Natural do RS, formada pelo Ballet Elizabeth Santos de Porto Alegre, alcançado as notas mais altas durante toda sua formação teórico- prática, 11 anos.
Aulas, ensaios e cursos com professores renomados no Brasil, tais como: Raul Candall ( Argentina), Silvia Bazillis ( Argentina), Amarildo Cassiano ( Bolshoi do Brasil), Toschie Kobayashie, Ricardo Sheir, Gilson Petrillo, entre outros. Além de sua mestra, professora Elizabeth Santos.
Como professora, suas alunas têm conquistado destaque, nos festivais que participam, com várias premiações e destaques individuais.
Selecionada pela professora Mariza Estrella, para a grande final do Valentina Koslova Competition International, em Nova York, na categoria Sênior. Também ganhadora da bolsa integral, para o intensivo de verão, numa das melhores e mais  conceituadas escolas do Brasil, pavilhão D, em São Paulo.
Indicada ao prêmio de melhor bailarina em todos os festivais que participou desde 2012, sendo detentora do prêmio de melhor bailarina geral do Sul em Dança 2014. Indicada ao Prêmio Açorianos, destaque ballet clássico, no ano de 2012.
Atuou como professora de dança voluntária, para os alunos, do Projeto Ballet Para Todos e atualmente é contratada da prefeitura.
Manoela Santos leva consigo o sonho, próprio de ser uma bailarina e também de todas suas alunas. É uma esperança de uma vida melhor e oportunidades para todos.


contato: 91727932





9 de outubro de 2014

PROGRAMAÇÃO, CURSOS E OFICINAS




Espetáculo de teatro-dança

ÀS ARTES FÍSICAS

 com Dani Dutra e Juliana Rutkowski


Direção: Bia Diamante
Onde: Urban Arts (Rua Quintino Bocaiúva, 715)
Quando: nos finais de semana 3 e 4, 10 e 11, 17 e 18, e 24 e 25 de outubro, às sextas-feiras, às 20h, e aos sábados, às 18h.
Valor: R$ 20. Pessoas com mais de 60 anos, estudantes e classe artística têm 50% de desconto. 
Vendas de ingressos: no local, nos dias de espetáculo, uma hora antes de iniciar






OFICINA DANÇA AFRO-BRASILEIRA

Neste sábado, 11 de outubro, teremos mais uma oficina de dança com trilha percussiva ao vivo!

horário:
12h00 - Inscrições na Casa Cultural Tony Petzhold 
12h15 às 14h15 - Oficina 


Investimento: 40,00

Pre-requisitos: vontade de dançar ao som dos tambores!

A oficina é tanto para quem já dança como para quem está iniciando.

Local: Casa Cultural Tony Petzhold
Cristóvão Colombo, 400 – Floresta/ Porto Alegre -RS










Dupla de bailarinos-acrobatas é atração no Multipalco, no Dia das Crianças


Dupla mistura acrobalance com movimentos coreográficos. Foto: Adriana Marchiori



Artistas da Companhia Atmosfera apresentam Paixão Noturna na programação do Movida Circo

Encerrando as comemorações do Dia das Crianças, os bailarinos/acrobatas Ridan Albuquerque e Carlo Goidanich Cancelli participam, no próximo domingo, dia 12 de outubro, do espetáculo Cabaret do Festival Movida Circo, em Porto Alegre. A apresentação ocorre às 20h, no Multipalco do Theatro São Pedro, com entrada franca.
A dupla de bailarinos/acrobatas apresenta "Paixão Noturna", número de acrobacias de dupla, que mistura acrobalance com movimentos coreográficos, contorcionismo e teatro numa dança acrobática, representando o amor através de seus corpos entrelaçados que formam uma verdadeira escultura viva. 
Ridan e Carlo já percorreram o Brasil e já esteve no Exterior participando de mostras, festivais, apresentando-se em circos, teatros e eventos.

Sobre o Movida Circo: www.movidacirco.com.br

SERVIÇO:
O Quê: Duo Acrobático Ridan e Carlo, da Companhia Atmosfera, no Cabaret Movida Circo. Número de acrobacias de dupla, que mistura acrobalance com movimentos coreográficos, contorcionismo e teatro numa dança acrobática 
Quando: 12 de outubro de 2014
Onde: Multi Palco do Theatro São Pedro (Praça Mal. Deodoro, sn - Centro Histórico), Porto Alegre-RS
Fotos: Adriana Marchiori
Quanto: Entrada franca
Contato: Ridan Albuquerque - 51-83299996/ 84554962







OFICINA GRATUITA 







5ª Edição do Caxias em Movimento

  Inicia dia 24 de outubro e vai até 1º de novembro, com uma programação variada, que inclui apresentações, workshops, intervenção urbana, vídeodança e bate-papo. Além dos 30 grupos inscritos, ainda conta com convidados especiais e a estreia do novo trabalho da Cia. Municipal de Dança de Caxias do Sul. Não perca!

Foto: Cristiano Prim




Unidade de Dança - SMC

Rua Luiz Antunes, nº 312, bairro Panazzolo
Fone: 54 3901.1316, ramal 203
www.caxias.rs.gov.br
www.unidadededanca.wordpress.com
twitter.com/unidadededanca
facebook.com/unidadededanca



UNIDADE DE ARTES VISUAIS DA SMC REALIZA WORKSHOP EU COM O OUTRO - EXPERIÊNCIAS ARTÍSTICAS

As inscrições já estão abertas e se estendem até o dia 9

A Prefeitura de Caxias do Sul, por meio da Unidade de Artes Visuais da Secretaria da Cultura, recebe inscrições para o workshop "Eu com o Outro - Experiências Artísticas", com Pedro Ubirajara Rosa, até o dia 09 de outubro. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas pelo uniartes@caxias.rs.gov.br. As vagas são limitadas.
O workshop, que integra o Programa Criações Poéticas, objetiva debater sobre a experiência de se relacionar com o outro na construção de arte, refletindo sobre os processos de criação artística para mediar, construir e discutir ideias com pessoas que necessariamente não convivem com o circuito artístico, experimentando relações interpessoais e provocando a produção de arte.
O programa abordará conteúdos como etnografia, alteridade e relativização, antropologia da experiência e da performance, arte e seus processos, interpessoalidade e comunicação, propondo uma produção artística experimental através de uma "abordagem de campo".
Serão três encontros aos sábados a partir do dia 11 de outubro, às 13h30min, no Centro de Cultura Ordovás.
SERVIÇO
Datas: Sábados - 11, 18 e 25 de outubro de 2014
Horário: 13h30min às 18h
Local: Centro Municipal de Cultura Dr. Henrique Ordovás Filho
Inscrições Gratuitas - Participação Certificada
Inscrições: uniartes@caxias.rs.gov.br
Informações: (54) 3901.1316, ramal 217
Realização: Unidade de Artes Visuais - Secretaria Municipal da Cultura

                   

2 de outubro de 2014

PROGRAMAÇÃO DE FINAL DE SEMANA, CURSOS E OFICINAS




I FESTIVAL BRASIL VEM DANÇAR


Inscrições abertas até dia 10 de outubro.




Brasil Vem Dançar 2014

Aldo Gonçalves
aldogoncalves@hotmail.com
F: (51) 3029-0977 / 9178-6978
Diretor - Centro de Arte / Clube do Professor Gaúcho
Av. Guaíba nº 12060 - Ipanema - Porto Alegre / RS
Coordenador - Departamento Cultural / Clube do Professor Gaúcho
Diretor - Centro de Arte / Clube do Professor Gaúcho
Conselheiro de Estado da Cultura - Conselho Estadual de Cultura/RS
Bailarino - Companhia Municipal de Dança de Porto Alegre
www.aldogoncalves.com.br
www.brasilvemdancar.com.br
www.vemdancarrs.com.br






AULA EXPERIMENTAL GRATUITA: CONTATO E IMPROVISAÇÃO











XVI FESTIVAL DE DANÇA DO VENTRE DO RIO GRANDE DO SUL









OFICINA: A PERFORMANCE A PARTIR DE MATERIAIS CULTURAIS




Data:
Sexta-feira 03 de outubro, das 18:30 as 21 horas.
Sábado e Domingo, dias 4 e 5 de outubro, das 10h as 17 horas.
Local:
Sala 209 – Usina do Gasômetro – Porto Alegre, RS.
Investimento :250 reais

Informações e inscrições:
FONE: 8052 0223







ESPETÁCULO DE TEATRO-DANÇA

ÁS ARTES FÍSICAS


FOTO: Josiane Deimiquei
 com Dani Dutra e Juliana Rutkowski

Direção: Bia Diamante
Onde: Urban Arts (Rua Quintino Bocaiúva, 715)
Quando: nos finais de semana 3 e 4, 10 e 11, 17 e 18, e 24 e 25 de outubro, às sextas-feiras, às 20h, e aos sábados, às 18h.
Valor: R$ 20. Pessoas com mais de 60 anos, estudantes e classe artística têm 50% de desconto. 
Vendas de ingressos: no local, nos dias de espetáculo, uma hora antes de iniciar



Bia Diamante estreia espetáculo de teatro-dança em Porto Alegre

​​




Em outubro, estreia em Porto Alegre Às Artes Físicas, espetáculo de teatro-dança, com a assinatura já peculiar da coreógrafa e diretora Bia Diamante. As apresentações acontecem na Urban Arts (Rua Quintino Bocaiúva, 715), em uma temporada com oito sessões. Em cena, a atriz Dani Dutra e a bailarina Juliana Rutkowski, resignificam a arte física com sensibilidade.

O processo de concepção partiu da pesquisa dos primórdios do circo, do universo da mágica e do cinema mudo, quando o imaginário da arte ainda estava ligado às expressões físicas do artista e a fala não tinha a sua importância. “A nossa proposta é resultado de uma livre inspiração atemporal e contemporânea nas artes do corpo”, explica Bia. “Inovamos sem abandonar o passado, pois, para mim, é importante criar homenageando. Gosto da ideia de agradecer aos que vieram antes e nos proporcionaram tantos saberes.”

Tradicionalmente, os trabalhos de Bia são de duração confortável e para plateias pequenas, neste caso, 20 pessoas. Durante 35 minutos, Dani e Juliana constroem uma atmosfera íntima por meio de gestos precisos e jogos silenciosos. “O espetáculo busca o tempo físico da ação corporal, o jogo rápido e uma leve comicidade, tão difícil, tão exigente”, finaliza a diretora.


As apresentações de Às Artes Físicas acontecem nos finais de semana dos dias 3 e 4, 10 e 11, 17 e 18, e 24 e 25 de outubro, às sextas-feiras, às 20h, e aos sábados, às 18h. Os ingressos serão vendidos no local, nos dias de espetáculo, uma hora antes, ao preço de R$ 20. Pessoas com mais de 60 anos, estudantes e classe artística têm 50% de desconto. 

A DIRETORA
Bia Diamante é carioca, e vive Porto Alegre há 16 anos. Sua carreira artística se completa em duas frentes: na construção de um entendimento singular na área da dança contemporânea e no ensino de educação somática. Em 2010, passou a integrar o projeto Descentralização da Cultura, da Prefeitura da Capital, dando aulas de dança no bairro Ponta Grossa. No mesmo ano, com um elenco formado por seis mulheres daquela comunidade, realizou, com financiamento do Fumproarte, o espetáculo À Sala. Em 2011, este trabalho recebeu o Prêmio Açorianos de Dança, na categoria “Estímulo à Criação”. Em 2013, dirigiu o espetáculo Sobre o Armário e a Atividade dos Objetos - estudo para natureza-móvel, que teve seis indicações para o Açorianos e venceu nas categorias “Melhor Direção”, “Melhor Coreografia” e “Melhor Iluminação”. Paralelo a este constructo estético em arte, há seis anos Bia é professora de educação somática do Grupo Experimental de Dança, do Centro de Dança da Secretaria  Municipal de Cultura. As aulas têm como objetivo criar uma abordagem de preparação corporal para profissionais de dança e teatro.

O ELENCO

Dani Dutra é atriz e professora de teatro, graduada em Licenciatura em Teatro, pela UFRGS, e integrante do Grupo Barraquatro. É professora de Arte Cênica do Colégio João XXIII. Atuou nos seguintes espetáculos: “Boca de Ouro”, dirigido por Aline Sokolowsky (2013); “O Linguiceiro da Rua do Arvoredo”, dirigido por Daniel Colin (2012); “DANKE”, dirigido por Giselle Cecchini (2012); “Geocoreografia: Cidade Não vista”, dirigido por Diego Mac e Tatiana Vinhais (2011); “Projeto 1: Desejo” e “Projeto Picasso: Um Sonho”, ambos dirigidos por Júlia Rodrigues (2008). No período de janeiro de 2006 a dezembro de 2007, trabalhou com um grupo de jovens atores orientado pelo ator e diretor Roberto Birindelli.

Juliana Rutkowski, bailarina formada no Curso Superior de Dança pela Ulbra, em 2007. Já trabalhou com diversos grupos, como Ânima, da coreógrafa Eva Schul (2010); Cia Teatral Falos & Stercus, do diretor Marcelo Restori (2010 e 2011); Necitra, onde pesquisou circo, teatro, dança (2011 e 2012); e Grupo Experimental de Dança (2008 a 2011). É professora de dança em escolas de Educação Infantil desde 2011, ano em que também ministrou aulas de Atividade Circense para crianças no Programa Integrado de Inclusão Social da Prefeitura de Esteio. Como bailarina, desde 2012, pesquisa teatro-dança com Bia Diamante, diretora com a qual realizou o espetáculo “Sobre o Armário e a Atividade dos Objetos – estudo para natureza-móvel”, apresentado na Capital em 2013. Por este trabalho, recebeu o Prêmio Açorianos de Melhor Coreografia. Em 2014, além de estar no elenco de “Às Artes Físicas”, também faz parte do espetáculo “100 Formas Para o Amor”, da Macarenando Dance Concept, dirigido por Diego Mac.




FICHA TÉCNICA
Concepção e Direção: Bia Diamante
Intérpretes: Dani Dutra e Juliana Rutkowski
Criação Coreográfica, Figurino e Produção:  Bia Diamante, Dani Dutra e Juliana Rutkowski
Iluminação: Casemiro Azevedo
Design gráfico: Roberta Bastos







_________________________________________________________________________
Espetáculo de teatro-dança

ÀS ARTES FÍSICAS, com Dani Dutra e Juliana Rutkowski
Direção: Bia Diamante
Onde: Urban Arts (Rua Quintino Bocaiúva, 715)
Quando: nos finais de semana 3 e 4, 10 e 11, 17 e 18, e 24 e 25 de outubro, às sextas-feiras, às 20h, e aos sábados, às 18h.
Valor: R$ 20. Pessoas com mais de 60 anos, estudantes e classe artística têm 50% de desconto. 
Vendas de ingressos: no local, nos dias de espetáculo, uma hora antes de iniciar. 

24 de setembro de 2014

PROGRAMAÇÃO DE FINAL DE SEMANA, CURSOS E OFICINAS



Expressão sem ruído: um workshop sobre corpo e comunicação
Expressão sem ruído: um workshop sobre corpo e comunicação

A comunicação é uma das formas mais fundamentais de nos relacionarmos com a realidade. Muitas vezes, graças à repetição de hábitos, formas e pensamentos, nossa comunicação se distancia da realidade e cria ruídos que se manifestam na forma de: rigidez e controle excessivo, dispersão e confusão, falta de vitalidade, insegurança, monotonia, etc. 

Para alcançar uma
 comunicação mais plena, esse workshop propõe uma série de técnicas corporais e exercícios de comunicação que nos possibilitarão expandir e aprimorar nossa expressão a partir da percepção e atenção ao corpo.

Principais ferramentas:

- Conhecer as distintas qualidades físicas e aumentar sua energia
- Parar o movimento com o objetivo de iniciar algo autêntico
- Silêncio e atenção como experiência física
- Expressar, repetir e improvisar desde um ponto de partida original


Como se organiza a atividade?

26/9: Expressão em expansão

Aprender a parar hábitos e rotinas corporais e permitir novas possibilidades e caminhos físicos de expressão. Centraremos nossa atenção nos músculos do nosso corpo e especialmente naqueles das costas, peito, ombros, braços e máscara.

27/9: Aquilo que está (em transformação)

Reconhecer o que está ocorrendo e permitir que o fluxo de transformação esteja presente em todos os instantes de nossa comunicação. Este dia o trabalho se centrará na escuta de nossos órgãos internos e experiência líquida. 

28/9: Sentido e determinação

Desenvolver o silêncio e a percepção, e experimentar a determinação como qualidade física quando nos comunicamos. Órgãos do sentido, pernas e pélvis serão o foco de nossa atenção durante este dia.


Público alvo: Público em geral interessado no desenvolvimento pessoal através do corpo e da comunicação. Especialmente recomendado para todos aqueles profissionais que dependem da comunicação para exercer seu trabalho: atores, músicos, cantores, bailarinos
locutores, artistas visuais, professores, jornalistas, publicitários, psicólogos, etc. 

Este é um trabalho que vem sendo realizado nos últimos anos com artistas de distintas disciplinas (músicos, atores, performers, artistas visuais) e pessoas de profissões diversas que buscam potenciar suas habilidades comunicacionais.
Sandro Willig

De família gaúcha e nascido no Reino Unido, conta com uma longa trajetória em distintas disciplinas corporais bem como nas artes cênicas. Desenvolveu sua formação com Toshiyuki Tanaka - JP (Sei Tai Ho), Lu Favoretto - BR (Cia. Oito Nova Dança), Tica Lemos - BR (Cia. Nova Dança 4), Lorenza Di Calogero - NL (Win Vandekeybus - Última Vez), Beatriz Fernandez - ES (Grinberg Method), Vered Menasse - IS 
(Grinberg Method), Kazuo Ohno - JP, Phillipe Gaulier - FR, Marcel Marceau - FR, Célia Gouvêa - BR, José Fernando de Azevedo - BR  (Teatro de Narradores/EAD-USP), etc.

Em Porto Alegre, dirigiu o espetáculo João Consorte (2006) num projeto do MinC/UFRGS, e participou de espetáculos e performances junto a Fernanda Carvalho Leite, Paulo Guimarães, Vera Carvalho, entre outros (2005 e 2006).

Desde 2008 trabalha entre Valência (Espanha) e Berlim (Alemanha), onde ensina através do corpo artistas (atores, músicos, artistas visuais, performers, etc) e público em geral a desenvolver suas qualidades físicas e alcançar um estado de atenção e energia mais sutil.


Método Grinberg

Método inovador de educação somática que ensina a aumentar a energia e atenção através do movimento, da respiração, do tato e de técnicas de descrição com o objetivo de alcançar um maior estado de bem estar e liberdade. 

Seguindo uma maneira estruturada de aprender através do corpo, o Método ensina a estar atento a si e a seu entorno, a parar hábitos automáticos limitantes, a dirigir a atenção da mente ao corpo e a expandir e transformar nossa experiência da realidade.

Seu fundador, Avi Grinberg (Israel), após uma longa experiencia em distintas disciplinas corporais e métodos de medicina tradicional de diversas culturas, cria a primeira escola do Método Grinberg na Suíça. Atualmente segue orientando e formando centenas de profissionais qualificados que exercem esta profissão em mais de 15 países (Alemanha, Espanha, Áustria, Itália, Reino Unido, França, EUA, entre outros).

Horários:
25/09 - 19h30 a 22h30
26 e 27/9 - 16h30 a 19h30

Local: 
Casa Cultural Tony Petzhold
Av. Cristovão Colombo, 400
Porto Alegre, RS

Investimento:


R$ 180,00 (3 encontros de 3 horas totalizando 9h/a)
R$ 75,00 (encontro avulso)


Dos dias 21/9 e 3/10 serão oferecidas análise de pés e sessões individuais do Método Grinberg na Casa Cultural Tony Petzhold.

Preço: R$ 100,00 (1 hora)

Para mais informação: 96197574 / 32689669 / 96567087
 sanwillig@gmail.com 









Bailarino da Raça Cia. de Dança ministra Workshop de Modern-Jazz, em Porto Alegre, neste final de semana


Bailarino propóe a desconstrução da técnica clássica.

 

O bailarino e coreógrafo Augusto Carlos Souza, integrante da Raça Cia de Dança, de São Paulo, ministra o Workshop de Modern-Jazz no próximo final de semana, em Porto Alegre. Dirigidos a bailarinos com e sem experiência, os encontros ocorrem na Tanguera Estúdio de Danza (Rua Comendador Coruja, 380, Floresta), em Porto Alegre. As aulas ocorrem no próximo dia 27, sábado, das 14h30min às 16h, e no domingo, 28, das 10h às 11h30min. O investimento total é de R$ 70,00.

Augusto Carlos define o Modern-Jazz como um trabalho de desconstrução da técnica clássica, em que a soma de movimentos com o swing e a sensualidade trazem o diferente na dança, criando o estilo dentro da plasticidade de cada movimento. Tem como objetivo o conhecimento da coordenação corporal.

Sobre Augusto Carlos Souza
Formado em dança clássica, teve como mestres: Toshi Kobayashy, Luis Arrieta, Nilson Soares, Ismaél Guiser, Ivonice Satie, Ricardo Scheer, Roseli Rodrigues, dentre outros. Como bailarino, trabalhou nas seguintes companhias: Cisne Negro, Raça Cia de Dança e Ballet Guaíra. Além de professor, é coreógrafo e jurado dos festivais mais importantes do Brasil. Seu vídeo-aula “Moder-Jazz”, já está na terceira edição, contendo outros trabalhos como ballet clássico e contemporâneo. Participou de vários programas de televisão, como, Raul Gil, na Record; Fausto Silva, Xuxa, Criança Esperança, Show Amigos 1 e 2, pela Rede Globo. Já foi premiado em vários festivais no Brasil. Em Joinville, fez abertura, como convidado, por quatro anos consecutivos, com a Raça Cia de Dança, Enda Passo de Arte entre outros, tendo atuado, também, na América do Sul (Assunção /Paraguay e Buenos Ayres/Argentina). Atualmente, ministra aulas na escola da Raça Cia de Dança.


SERVIÇO:
O quê: Workshop de Modern-Jazz, com o bailarino e coreógrafo Augusto Carlos Souza
Quando: Dia 27 de setembro de 2014, sábado, das 14h30min às 16h, e no domingo, 28, das 10h às 11h30min
Onde: Tanguera Estúdio de Danza (Rua Comendador Coruja, 380, Floresta), em Porto Alegre-RS
Quanto: R$ 70,00

Informações e inscrições: (51) 92772191 (Silvia)96757629 (Lísia)







INSCRIÇÕES ABERTAS









PROGRAMA DE ESTUDOS EM PERFORMANCE



A PERFORMANCE A PARTIR DE MATERIAIS CULTURAIS


OFICINA COM MICHELLE OUTRAM


A oficina irá possibilitar a exploração do uso de materiais culturais na performace. Os participantes irão trabalhar em estreita colaboração com Michelle e em pequenos grupos para explorar métodos de estratificação dos conteúdos que trouxerem para a performance. Será criado um trabalho multi-disciplinar com demonstrações curtas que serão compartilhadas entre os participantes, explorando uma variedade de modos de presença, as relações espaciais entre o performer e público, explorando nossa percepção sobre conteúdos culturais.

Michelle desenvolve um trabalho combinando dança / movimento, som, instalação e projeção de vídeo. Ela é licenciada em Estudos da Performance pela Universidade de Sydney e foi professora na Edith Cowan University, na Austrália. É radicada em Londres, onde desenvolve a maioria dos seus trabalhos artísticos.

Data:
Sexta-feira 03 de outubro, das 18:30 as 21 horas.
Sábado e Domingo, dias 4 e 5 de outubro, das 10h as 17 horas.
Local:
Sala 209 – Usina do Gasômetro – Porto Alegre, RS.
Investimento :250 reais

Informações e inscrições:
FONE: 8052 0223





OFICINA CONTATO IMPROVISAÇÃO







18 de setembro de 2014


PROGRAMAÇÃO DE FIM DE SEMANA - 19 À 21 DE SETEMBRO




Maracatu Truvão completa 10 anos


Os encontros são marcados por alegria e descontração. Foto Coletivo Aura


Atividades descentralizadas irão marcar a trajetória do grupo


      O Maracatu Truvão completará 10 anos de história em setembro de 2014. Para comemorar, o grupo porto-alegrense realizará atividades gratuitas e itinerantes, passando pelos bairros Restinga, Mário Quintana e Centro, em Porto Alegre, além de circular pelas cidades de Osório, Alvorada e São Leopoldo. O marco destas comemorações será no próximo dia 21 de setembro, domingo, às 16h, na Redenção, quando ocorrerá o Arrastão do Truvão, com concentração perto da Cancha de Bocha.
      Entre as atividades estão oficinas e apresentações, que ocorrerão entre os meses de agosto e dezembro. Todas as ações têm entrada franca (confira programação em anexo). O projeto é financiado pelo Fundo de Apoio à Cultura do governo do Rio Grande do Sul (FAC-RS).
Sobre o grupo
      O Maracatu Truvão é formado por um grupo de pessoas unidas pela vontade de tocar e dançar o maracatu e pela admiração e respeito às culturas populares e aos seus protagonistas. Sua atividade básica é aprender essa tradição diretamente com aqueles que a mantêm, os mestres e batuqueiros das nações pernambucanas, e difundi-la por meio de apresentações regulares e de oficinas. É parte da história do grupo, além da prática da música e da dança dessa manifestação, o ensino e a promoção do diálogo cultural entre os dois Estados.
Sobre as atividades
      Em Porto Alegre, as atividades ocorrerão nos bairros Restinga, Mário Quintana e Centro. Na cidade de Osório, o Truvão se unirá ao Maçambique de Osório durante a festa de Nossa Senhora do Rosário e, em São Leopoldo, realizará uma apresentação a alunos de uma escola pública.
      Ainda, em Alvorada, o Truvão levará uma oficina para a ONG Nação Periférica, com a presença de mestres de Recife. Essa atividade permite a capacitação e a formação de educadores e pessoas ligadas a diferentes práticas culturais e também promove a experimentação de alunos iniciantes.
      As atividades estão sendo levadas a grupos e locais com os quais o Maracatu Truvão já tem uma história prévia e/ou que desenvolvem trabalhos de pesquisa do maracatu. Deste modo, o projeto fortalece o diálogo cultural estabelecido nos 10 anos de existência do grupo, por meio da valorização dos envolvidos, mostrando posição ativa de defesa e promoção das diversas formas de nossa cultura.

O que é maracatu?

      O maracatu é uma manifestação cultural que há mais de 300 anos é vista nas ruas do Recife durante o Carnaval, sendo considerada uma belíssima mistura de música, ritmo e dança. Como a maioria das manifestações populares do Brasil, se caracteriza por ser uma mistura das culturas africana, indígena e europeia. Além disso, é formado por uma orquestra de percussão – que inclui instrumentos como tarol, ganzá, agbê, gonguê e alfaias – e vem acompanhado de um cortejo real, no qual os participantes, vestindo fantasias, fazem saudações aos orixás, em meio a reis, rainhas e princesas. Por isso, pode-se dizer que o maracatu também é dança, dramatismo e religiosidade.

Acesse: 
 http://www.maracatutruvao.blogspot.com.br

https://docs.google.com/file/d/0B0LoDXRrb-U7RGdRblNOenBTeUk/edit



ESPAÇO IMPROVISO



MEME Santo de Casa19 de setembro – sexta-feira – 21h

Ingressos: R$16,00 (50% de desconto para idosos, classe artística e estudantes)



Por mais um ano, o Espaço improviso integra a programação cultural no 21º Porto Alegre em Cena.  Durante o festival este espaço se abre aos artistas presentes na cidade que estão participando do festival e a mistura se torna ainda mais rica. Não é necessário ter vivência artística prévia e qualquer manifestação é bem-vinda, seja por meio do corpo, da voz, de um instrumento musical, da escultura, da pintura, da fotografia, do vídeo e/ou da escrita.




MEME Santo de Casa Estação Cultural

Rua Lopo Gonçalves, 176

Cidade Baixa – Porto Alegre – RS

Fone: 51 30192595

E-mail: centromeme@centromeme.com.br










Lorquianas – 15 anos

Espetáculo de música, dança e poesia



Passados 15 anos da estreia do espetáculo que fazia uma releitura da obra poética e musical do poeta andaluz Federico García Lorca, as cantoras Vanessa Longoni, Simone Rasslan, a bailarina de flamenco Silvia Canarim e a professora de língua e cultura espanhola Denise Baptista realizam uma única apresentação para comemorar esse aniversário. O evento ocorrerá na Casa de Teatro de Porto Alegre (Rua Garibaldi, 853) no domingo, dia 21/09, às 19h.

LORQUIANAS ficou em cartaz de 1999 a 2001 em diversos teatros e espaços da capital e do interior. De 99 a 2000, em formato mais intimista e, em 2001, em versão para Teatro sob a direção de Roberto Birindelli. LORQUIANAS realiza uma ampla viagem pela obra poética e musical de García Lorca, apresentada através de canções, poemas recitados e coreografias. Foram selecionados textos mais representativos das diversas fases da produção do poeta – desde os primeiros trabalhos como “Poema del Cante Jondo” (1921), “Primeras Canciones” (1922), “Romancero Gitano” (1924-27) até as últimas publicações como “Poeta em Nueva York" (1929-30) e “Diván del Tamarit” (1933).

As canções são interpretadas por Vanessa e Simone Rasslan, que também é responsável pelo acompanhamento ao piano, pelos arranjos e pela Direção Musical. Ao longo do espetáculo, a bailarina de Flamenco Silvia Canarim, interpreta diversas coreografias, toca cajón e castanholas.

Toda a apresentação é “costurada” pela recitação de poemas do autor espanhol, que vão conduzindo o espectador. Os trechos foram selecionados e serão recitados pela professora de espanhol Denise Baptista, idealizadora do projeto.



Ficha Técnica e elenco:

Direção Musical: Simone Rasslan
Voz: Vanessa Longoni
Seleção e recitação de textos: Denise Baptista,
Coreografias, castanholas e cajón: Sílvia Canarim
Piano e voz: Simone Rasslan


Telefone para contato/produção:
51-8246-4045 (Silvia)


 
O que: Apresentação comeorativa dos 15 anos do espetáculo LORQUIANAS.
Onde: Casa de Teatro de Porto Alegre
End.: Rua Garibaldi, 853 – Tel.: 51-3029-9292
Data: 21/09/14
Horário: 19h


 
Fotos: Amauri Fausto

Mais sobre Lorquianas:

A atividade mais importante na vida de Federico García Lorca, depois da literatura, foi a musical. Em 1931, ele harmonizou para piano várias canções populares espanholas, que foram editadas em discos gramofônicos e alcançaram, com essa versão, uma popularidade extraordinária. Essas canções foram interpretadas pela bailarina de Flamenco e cantora espanhola La Argentinita, acompanhada pelo próprio Lorca ao piano.
Inspirado nessa compilação, o espetáculo LORQUIANAS foi originalmente pensado como um recital para piano, voz e dança para ser apresentado durante a programação do evento TOTALMENTE ESPANHA, organizado pelo Núcleo de Divulgação da Cultura Espanhola do Centro Cultural El Patio de Porto Alegre em 1999 como uma homenagem ao poeta